Com mais de 10,3 milhões de habitantes, a República Dominicana tem como capital a cidade de Santo Domingo, competindo com a vizinha Cuba como um dos principais produtores de tabaco e exportando cerca de 60 milhões de cigarros e charutos por ano.

              A ilha de Hispaniola é a segunda maior do arquipélago das Antilhas Caribenhas, encontrando-se dividida e partilhando o seu espaço com o Haiti. Com um clima temperado tropical e uma temperatura média de 25ºC, tem vales e planícies férteis para o gado e plantações de cana de açúcar, tabaco e cacau.  

              Foi inicialmente descoberta por Colombo no início do séc.XVI, que utilizou estas terras como ponto de partida para a exploração da América do Sul ao mesmo tempo que desenvolvia as primeiras comunidades de colonizadores espanhóis. Uma das principais colónias foi Santo Domingo.  Com a chegada dos franceses no século XVII – os quais se instalaram na área actualmente pertencente ao Haiti – as diferenças económicas entre os extremos da ilha acentuaram-se: do lado francês o comércio de cana de açúcar floresceu tornando-se o mais importante exportador das West Indies (Índias Ocidentais), enquanto que o lado dominicano se dedicou à pecuária e ao apoio mercantil junto dos barcos que se dirigiam à Europa.
Fustigado por ataques de piratas e furacões, esta zona foi ficando desabitada ao longo do século XVIII, optando os espanhóis por deslocar-se para a América do Sul. Os haitianos, já enquanto nação independente no início do séc.XIX começaram então a instalar-se e ocuparam Santo Domingo durante 20 anos, após os quais as terras foram reconquistadas e devolvidas à coroa espanhola (1861). A Guerra da Restauração, 4 anos depois, trouxe a independência à República Dominicana.

Amber Cove

              A primeira imagem é de uma enseada verdejante e repleta de palmeiras. Amber Cove é um complexo de cruzeiros (propriedade da Carnival Corp.) construído propositadamente com a finalidade de receber os turistas neste local a cerca de 20 minutos de Puerto Plata (táxi a 35USD). O complexo tem, à semelhança de outros, cabanas privadas, lojas, restaurantes mas também uma enorme piscina com escorregas, oferta de equipamento para desportos aquáticos e até zipline. O pontão é invulgarmente longo, de tal forma que alguns locais encontraram o seu sustento através de 10 bici-taxis que transportam até 3 pessoas.

              A melhor forma de ficar a conhecer esta zona tropical é fazer um safari que nos leva até recintos escondidos em jipe, moto-4 ou monster-trucks.  As praias são de areia branca e convidam à pesca, ao kite-surfing, mergulho e ao snorkel junto dos recifes de coral e de navios naufragados. As mais conhecidas nesta zona são a Playa Malecon (a 15Kms do porto), Playa Costambar (10Kms) e a Playa Dorada Resort, com um campo de golfe (15Kms).

              Para quem gosta de caminhadas, os Parques Naturais oferecem trilhos para trekking devidamente identificados.

(esta foto é da minha amiga – e fotógrafa – Giseli Padilha!)

Puerto Plata

              A localização estratégica de Puerto Plata serviu os interesses dos navios que circulavam entre Espanha e o México até ao momento em que Havana (Cuba) assumiu esta posição. A cidade prosperou até meados de 1860 também devido à plantação e exportação de tabaco, conferindo os traços coloniais. Na zona norte, a avenida Malecón é rica em bares e restaurantes, estendendo-se ao longo de 5Kms entre a Fortaleza de San Felipe e Long Beach. Um dos locais mais visitados é a Catedral de San Felipe, renovada após o furacão que assolou a cidade em 1988.

              O Amber Museum foi desenvolvido na antiga residência de um importante comerciante de tabaco de inicio do séc.XX. A exposição incluí várias amostras de âmbar e de árvores fossilizadas. Está aberto de segunda a sexta feira, das 9h às 5h, e sábado das 9. às 13 horas.

              A Fortaleza de San Felipe é o mais antigo forte do Novo Mundo, construído em meados do séc.XVI para proteger o porto dos piratas e servindo mais tarde como prisão. A vista deste local sobre a baía e respectivo farol é encantadora. Está aberto nos dias úteis das 9h às 17h.

              A cerca de um quilómetro de distância da cidade e a 800 metros acima do nível do mar há o Teleférico para Loma Isabel de Torres que nos leva até uma estátua do Cristo Rei que olha e abraça a cidade. O topo da montanha tem também um jardim botânico, lojas de souvenirs e restaurantes. Recomenda-se fazer as viagens durante a manhã para evitar a nebulosidade que se instala frequentemente durante o dia, e o teleférico funciona das 8 às 17 horas.

              Também a um quilómetro de distância de Puerto Plata há a Destilaria de Rum Brugal.

Dicas práticas
– língua oficial – espanhol
– moeda oficial – peso dominicano, embora a maior parte dos estabelecimentos também aceite dólares americanos e até euros. 
deslocações –  Vários táxis estão à espera dos seus clientes no porto de Amber Cove, estando também disponíveis para fazer circuitos turísticos de algumas horas neste local. Para quem preferir alugar carro há a Avis e Hertz em Puerto Plata.
Best buys – amber (não comprar a vendedores ambulantes, sob risco de ser falso), larimar (uma pedra aquamarina só encontrada na República Dominicana), cigarros, artigos em couro, rum, café, tabaco e as tradicionais “munecas sin rosto”.

Vais viajar e ainda não fizeste a tua Consulta do Viajante?
Precisas de aconselhamento, vacinas específicas, seguro de viagem e medicação?
Marca comigo, aqui! Online no conforto de tua casa, e apenas à distância de um clique.

Queres ir viajar? Adquire comigo o teu seguro de viagem IATI e usufrui de 5% desconto em relação ao valor original!

Partilha nas tuas redes
Share on facebook
Share on pinterest
Share on email
Andreia Castro

Andreia Castro

Viajante antes de ser Médica, vivo com as memórias no bolso, o passaporte na mão e sempre com a próxima viagem marcada.

Lê mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Subscreve a Newsletter

Subscreve a newsletter

E fica a saber de antemão tudo sobre as próximas viagens, artigos do blog e muito mais!

Subscreve a newsletter

E fica a saber de antemão tudo sobre as próximas viagens, artigos do blog e muito mais!